Youtube

Como você usa o dinheiro que você ganha – Gastando ou Investindo?

Sending
User Review
5 (1 vote)

Transcrição

Para para pensar um minuto em como as pessoas costumam usar o dinheiro que elas ganham.
Eu e a maioria das pessoas que eu conhecia, gastávamos o dinheiro que nós ganhávamos da seguinte maneira:
Nós começávamos a trabalhar e a ganhar algum dinheiro.
Como não tínhamos despesas, nós comprávamos algo que nós queríamos.
Na minha época, por exemplo, não tinha celular.
Mas é muito comum você ver um jovem hoje em dia que começa a trabalhar.
Comprar ou trocar o celular dele com o primeiro salário que ele ganha.
Nada de errado com isso.
Tirando o fato que ele gasta uma boa parte do que ele ganha nesse primeiro salário, comprando um bem de consumo.
E esse bem de consumo começa a consumir mensalmente, parte da receita dele.
Então, vamos dizer que, meses depois essa pessoa continua ganhando o mesmo salário.
Mas ela agora, já tem uma despesa.
Que é no caso, manter o celular com crédito ou pagar a conta do celular.
Agora, vamos imaginar que com o passar do tempo essa pessoa começa a ganhar mais dinheiro.
E aí ela resolve comprar um carro, por exemplo.
Ela vai pesquisar, vai ficar e olho em um carro que seja do gosto dela.
E vai ver se ela consegue comprar aquele carro com o que ela ganha.
Nesse momento a avaliação que ela faz é a seguinte:
“Quanto custa o carro? ”
“Se for parcelar, quanto vai custar por mês?”
“Vai dar para pagar a parcela com aquilo que eu ganho?”
E a partir dessas respostas ela toma uma decisão.
Mas ela não leva em consideração que ela vai comprar um outro bem de consumo.
Que vai perder por exemplo , 30% do valor quando ela tirar o bem da concessionária.
E que esse bem vai gerar para ela de despesa no mês, provavelmente mais do que ela tem disponível para gastar com ele.
E por que eu estou falando isso?
Porque além da prestação do carro, ela vai ter que pagar agora:
Combustível, manutenção semestral do carro para poder manter a garantia, seguro, IPVA.
Dependendo do valor do carro e do tipo de financiamento,.
Quando ela terminar de pagar o carro, ela vai ter pago mais do que o dobro do valor original daquele carro.
Se você for analisar a sua vida.
Em praticamente todos os gastos que você fez até agora, você só analisou o custo de aquisição daquilo que você comprou.
Mas não fez as contas do custo de manutenção de cada bem que você comprou na sua vida.
E todos os bens de consumo tem custos de manutenção.
Que geram despesas que você não tinha previsto na hora que comprou.
E isso fez com que você fosse perdendo a sua capacidade de compra e de pagamento ao longo do tempo.
Quem usa crédito para financiar as compras, mesmo que os parcelamentos sejam sem juros, comete um erro ainda maior.
Ao usar o crédito, além de você comprar essas “despesas”, você ainda compromete uma receita futura.
Um dinheiro que você ainda não recebeu.
E isso diminui ainda mais rapidamente a sua capacidade de pagamento da manutenção dos bens que você possui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Desenvolvido por Baqui & Byte